Home > Novidades > Público Geral > Notícias > Hanseníase tem cura sim!

Hanseníase tem cura sim!

16-01-2018

No passado chamada de Lepra, a Hanseníase é uma doença contagiosa crônica provocada por uma bactéria chamada bacilo de Hansen que, se tratada, pode ser curável, caso contrário, pode ser fatal.

A contaminação do vírus pode ocorrer a partir da exposição das condições higiênicas inadequadas ou do contato íntimo com o portador sem tratamento. A bactéria penetra no organismo por meio das vias respiratórias ou secreções como a saliva, sendo transmitida da mesma forma.

A doença afeta primordialmente a pele, mas também os olhos e os nervos periféricos. O período de incubação é prolongado, podendo chegar até 6 anos para que se manifeste.

No organismo, o sistema imunológico individual do paciente inicia uma luta contra a bactéria, por isso a importância do diagnóstico e tratamento precoce para evitar possíveis sequelas.

Os sintomas variam muito, desde mancha clara ou acastanhada na pele, até lesões que se espalham pelo corpo. As áreas afetadas pela doença apresentam perda da sensibilidade térmica, pelos e suor. Quando atinge o nervo da região onde se manifestou, também causa dormência e perda de contração muscular local.

Dentre as formas mais eficazes de prevenção da Hanseníase, a dermatologista do HED, Dra. Raquel Heidrich, cita os cuidados com as condições de higiene e uma manutenção eficiente do sistema imunológico, através de boa alimentação e prática regular de atividade física.

Quando diagnosticada, é importante a conscientização dos familiares e conviventes com doente para que se submetam a avaliação e acompanhamento, assim é possível evitar o alastramento da doença.

Fonte: Dra. Raquel Heidrich, dermatologista do Hospital Ernesto Dornelles. CRM: 14201.

Todas as notícias

Dados de Atendimento
Fone (51) 3217-2002
Av. Ipiranga, 1801 - Porto Alegre/RS - como chegar

Horário de Visitas
Unidade de Tratamento Intensivo - UTI: das 10h às 10h30min; das 16h às 17h; das 20h30min às 21h


Emergência: das 11h às 11h20min; das 15h30min às 15h50min; e das 21h às 21h20min

Internação: das 9h às 10h; das 16h às 17h; das 20h às 21h

Unidade de Cuidados Especiais - UCE: das 9h às 9h30min; das 15h às 15h30min; das 20h às 20h30min