Home > Novidades > Público Geral > Eventos > Os benefícios da fisioterapia no acompanhamento funcional e cardiorrespiratório dos pacientes

Os benefícios da fisioterapia no acompanhamento funcional e cardiorrespiratório dos pacientes

13-10-2021 à 31-12-1969

As complicações causadas pela Covid-19 deram maior visibilidade para o papel da fisioterapia hospitalar na recuperação dos pacientes. Responsáveis pelo aspecto funcional, os fisioterapeutas atuam com o objetivo de prevenir complicações respiratórias, neurológicas e motoras em quem está internado. 

No Hospital Ernesto Dornelles, esses profissionais acompanham os pacientes da Emergência, das unidades de Cuidados Especiais (UCE), de Terapia Intensiva (UTI), de Internação (UI) e de Neurorreabilitação e do Centro de Atenção à Saúde da Mulher (CAMHED).

A coordenadora do Serviço de Fisioterapia do HED, Clarissa Leães, explica que o fisioterapeuta tem como responsabilidade avaliar as condições de cada paciente para desenvolver um plano de assistência específico e individualizado, abrangendo todas as necessidades criadas durante o período de internação.

“A fisioterapia hospitalar tem um papel fundamental na promoção da saúde pois evita os efeitos nocivos do repouso prolongado no leito, estimula o retorno mais breve às atividades físicas diárias, melhora a capacidade funcional, devolve a confiança do paciente, reduz complicações pulmonares e colabora com a alta precoce”.

Atuação multidisciplinar

No HED, os fisioterapeutas não atuam sozinhos. Eles integram as equipes multiprofissionais de cada área. “Nosso trabalho é em conjunto com os médicos e as equipe de enfermagem, nutrição e psicologia. Nós somos os responsáveis pelo aspecto cinético-funcional do paciente, em falar sobre as indicações de mobilização, ou seja, se ele tem condições de caminhar e sair do leito com ou sem auxílio”, ressalta a coordenadora.

O fisioterapeuta da UTI do HED, Cristiano Rodrigues, acrescenta que a fisioterapia também cuida das condições cardiorrespiratórias. “O fisioterapeuta pode atuar em diversas áreas com o apoio de uma equipe multidisciplinar, contribuindo com muitos métodos de tratamentos e orientações e buscando promover o controle dos sintomas, maximizar as habilidades funcionais, auxiliar no controle da dor, promover orientação aos cuidadores e manter a autonomia dos pacientes”.

Todos os eventos


Dados de Atendimento
Fone (51) 3217-2002
Av. Ipiranga, 1801 - Porto Alegre/RS - como chegar

Horário de Visitas

Emergência:
11:00 às 11:20 (leitos pares)
15:30 às 15:50 (leitos impares)

UCE:
09:30 as 10:00 (leitos pares)
16:00 às 16:30 (leitos impares)

UTI:
10:00 às 10:30 (Leitos pares)
16:00 às 16:30 (leitos impares)